sábado, 2 de janeiro de 2010

Pensando bem...

Hoje mamãe disse que ia te levar visitar o aquário de São Paulo.
Você ficou toda feliz e correu para o seu quarto.
Alguns instantes depois fui até lá e vi você preparar uma malinha com biquini, bóia, protetor solar, etc. Perguntei para que era aquilo, ao que você respondeu :

- Ué... é para nosso passeio no "aquário aquático" ! (acho que você confundiu com um Parque Aquático)

- Como assim, filha ?

- Eu quero descer naqueles escorregadores e nadar muito com os peixes, mamãe.

Ai... ai... tive que te explicar que num aquário a gente só contempla os peixes presos, não pode interagir com eles.
Você fez uma carinha de decepção e disse :

- Mas que feio mamãe. Eles ficam lá, presos, e a gente só olhando ?

Conclusão : Nada de Aquário. Fomos à Exposição Catavento Cultural, conhecer um pouco mais sobre nosso planeta e suas necessidades sociais. Um show !

3 comentários:

zuleid disse...

Concordo Bebela!
Uma maldade a gente de fora e os peixes de dentro, loucos pra nadar em lugar bem aberto!
Concordo mesmo Bebela!
Beijos!

Sereia disse...

Uma exelente escolha.
Um lindo dia para ti.
Bjsssssssssssssss

Lis. disse...

Boa tarde.

Esse é o bom diferencial das crianças que não enxergam o lado mal. Nós -os adultos- estamos contaminados com diversas doenças, tais como neuroses, psicoses, dentre tantas outras.

Difícil é educar da forma que uma criança não se traumatize com as atrocidades deste mundo afora. Até porque, só há uma maneira de tê-las perto: Tratando-as com muito amor e carinho.

E lembrei, que num dado momento da vida, fiquei tomando conta da minha sobrinha que na época tinha só tres anos de idade, e na casa ela mexia numa tomada elétrica e percebendo que poderia ferir-se disse-lhe: Cuidado, você vai tomar um choque.

Passado algum tempo retornei, e a vi mexendo na mesma tomada e insisti: Eu não lhe disse que você vai tomar um choque?

Ela me olhou fixamente e respondeu: Tio, o senhor disse que sairia daqui um CHOQUITO, e até agora não saiu nada.

-Choquito é aquele chocolate da Nestlé-


O que fazer?
O jeito é esperar.
Ela crescer.